Opinião - 07/02/2018 - 05:22:25

 

Chega de MIMIMI !

Chega de MIMIMI !

 

Vicente Barone * .

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Vicente Barone é analista político, editor chefe do Grupo @HORA de Comunicação, foi executivo de marketing em empresas nacionais e multinacionais, palestrante nacional e internacional em marketing social, cultural, esportivo e trasnporte, além de ministrar aulas como professor de 3º

Vicente Barone é analista político, editor chefe do Grupo @HORA de Comunicação, foi executivo de marketing em empresas nacionais e multinacionais, palestrante nacional e internacional em marketing social, cultural, esportivo e trasnporte, além de ministrar aulas como professor de 3º" e 4º graus Dese


Leio, ouço e assisto, diariamente, os inconformados com a derrota em 2016 esperneando em páginas nas redes sociais.

Quando irão aprender, ou “se tocar”, que o importante, no pós eleição, é buscar o melhor para o munícipe? Mas o melhor para uma oposição retrógrada seria tentar piorar as situações para buscar um espaço nos descontentes?

Ser partidário e ter convicções políticas é salutar. Ter ideologia também. Não importa se mais à direita, à esquerda ou centro. O importante mesmo é estar voltado a atender às necessidades de seu povo.

O excesso de denúncias com base em suposições ou financiar pessoas para somente atacar sem levar em consideração quantos estariam sendo prejudicados com tais ações é um retrocesso democrático.

Toda denúncia ou levantamento deve ser baseado em provas reais. Às vezes olha-se uma folha, mas não se vê a última página do livro.

Periféricas e sem nexo algum, forçam situações para melhor garantir seu espaço e que se danem aqueles que mais precisam.

Pergunto, o que é mais importante?

Vacinar a população para garantir, com prevenção, um surto de febre amarela ou ficar discutindo se alguns dias de diferença farão os alunos se prejudicarem?

É mais importante vidas ou acumulo temporário de conhecimento?

Afinal, alguns dias sem aula não muda porque elas podem ser respostas diariamente com alguns minutos a mais, ou aos sábados.

Quando os professores fazem greves intermináveis o que é mais salutar?

Não há o que se discutir aqui e que se calem os oposicionistas aventureiros eleitorais. O importante é a vida humana e, nesse caso, é urgente e sem precedentes manter por quantos dias forem necessárias escolas e UBS abertas para garantir a imunização de nosso povo.

Que se calem os oportunistas.

Que se calem os gazeteiros.

Agora somos um, agora somos dedicados ao bem maior, agora somos ‘batateiros’ com orgulho e sabedores que devemos nos imunizar e levar todos que conhecemos para fazerem o mesmo.

Aqueles que, por motivos de saúde, não possam se imunizar, procurem os médicos de plantão e serão orientados para que possam se manter seguros.

Chega de MIMIMI senhores arautos do apocalipse!

* Vicente Barone é analista político, editor chefe do Grupo @HORA de Comunicação, esteve à frente de diversas campanhas eleitorais como consultor político e de marketing, foi executivo de marketing em empresas nacionais e multinacionais, palestrante nacional e internacional para temas de marketing social, cultural, esportivo e de trasnporte coletivo, além de ministrar aulas como professor na área para 3º e 4º graus - www.barone.adm.br

 



;

Links
Vídeo


Últimas Notícias




MST e outros seis movimentos declaram apoio a França


Dólar fecha em queda e Bovespa sobe 2,83%


Governo decide manter começo do horário de verão em 4 de novembro


BTG Pactual/FSB: Jair Bolsonaro tem 59% dos votos válidos; Haddad, 41%


Boleto acima de R$ 100 poderá ser pago em qualquer banco


Carla Morando está na liderança para estadual no Grande ABC